Seu browser não tem suporte a javascript!

Coordenador de comissão externa avalia resultados dos 6 meses de intervenção federal na segurança pública do Rio

17/08/2018 às 11h39

Segundo o deputado Hugo Leal (PSD-RJ), a ação foi necessária e imprescindível para iniciar uma mudança estrutural no sistema de segurança do estado. Ouça a entrevista completa



A intervenção federal na área de segurança pública do Rio de Janeiro completou seis meses. Para repercutir os números da ação federal, o Painel Eletrônico entrevistou o coordenador da comissão externa da Câmara criada para acompanhar a iniciativa, deputado Hugo Leal (PSD-RJ).

Para o deputado, a ação foi necessária e imprescindível para iniciar uma mudança estrutural no sistema de segurança do estado, que, segundo ele, "estava sem comando e não havia uma política de combate ao crime organizado". Hugo Leal considera que é preciso encarar esse período como o espaço necessário para tomar fôlego e discutir o tema com a sociedade civil, como uma ponte que será construída para que o próximo governo seja capaz de avançar.

O deputado Hugo Leal ponderou, no entanto, que é preciso investir na inteligência para reduzir os confrontos policiais, que provocaram 895 mortes desde que a intervenção foi decretada pelo presidente Michel Temer, em fevereiro passado – o maior número da série das estatísticas oficiais nas últimas duas décadas.

Fonte: Rádio Câmara