Seu browser não tem suporte a javascript!

Diário do Observatório


  • Dia 12 de dezembro, quarta-feira

    Operação das forças de segurança em 13 comunidades do Rio tem dois mortos

    Dois bandidos morreram, 12 foram presos e um menor, apreendido, durante operação das forças de segurança nesta terça-feira, em 13 comunidades de sete bairros das zonas Norte — Anchieta, Guadalupe, Colégio, Honório Gurgel e Vicente de Carvalho — e Oeste — Bangu e Vila Militar — do Rio. Houve apreensão de dois fuzis e um radiotransmissor. Na ação, que não tem previsão de término, seis motos roubadas e 22 carros foram recuperados. De acordo com o Comando Militar do Leste, há retirada de barricadas e mandados judiciais poderão ser cumpridos.

    Fonte: O Globo / Agência Brasil (11/12)

    Sem citar Witzel, interventor e secretário de Segurança criticam fim da pasta no novo governo

    O general Richard Nunes, secretário de Segurança do Rio, e o general Braga Netto, interventor federal para a área de Segurança Pública, criticaram o fim da pasta, proposta defendida pelo governador eleito Wilson Witzel. Eles falaram na manhã desta terça-feira em um fórum de debates do Observatório Militar da Praia Vermelha, na Escola de Comando e Estado Maior do Exército, na Urca, na Zona Sul do Rio. Para o general Richard, a extinção da pasta responsável pela coordenação das polícias Civil e Militar é um desafio para o próximo governo. Braga Netto não falou com a imprensa, mas durante a apresentação também criticou a ideia de acabar com a Secretaria de Segurança. Faltando 20 dias para o fim da intervenção federal na área de segurança do Rio, o assunto também foi mencionado pela diretora-presidente do Instituto de Segurança Pública (ISP), Joana Monteiro. Ela destacou que o órgão, responsável pelos dados da área de segurança no estado, precisa trabalhar com as duas polícias ao mesmo tempo. Nunes também falou sobre o assassinato da vereadora Marielle Franco. Ele defendeu a Divisão de Homicídio (DH), acusada de não ter interesse de elucidar o caso.

    Fonte: O Globo / Extra / O Dia / UOL / Agência Brasil (11/12)

    Eletricista que trabalhava em série de TV é morto a tiros

    O eletricista Francis Ferreira de Souza foi morto a tiros, no fim da noite de segunda-feira, em Itaipuaçu, distrito de Maricá, na Região dos Lagos do Rio. Ele e o amigo Carlos Niedson Faria Adell voltavam de um jantar quando foram rendidos por bandidos. Francis morreu no local e Carlos foi baleado numa das pernas. O crime ocorreu no bairro Jardim Atlântico.

    Fonte: O Globo / Extra / O Dia / O São Gonçalo (11/12)

    Comissão externa da Câmara aprova relatório sobre caso Marielle

    A comissão externa da Câmara dos Deputados que acompanhou as investigações do assassinato da vereadora carioca Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes aprovou, nesta terça-feira, o relatório final dos trabalhos. Com 118 páginas, o documento traz críticas às investigações do crime, conduzidas pela Polícia Civil do Rio de Janeiro, e à falta de informações sobre o caso. O documento também propõe a mudança de competência das investigações para a Polícia Federal e sugere a apreciação, por parte do Congresso Nacional, de proposições para evitar que se repitam casos como o de Marielle e Anderson. A comissão propõe ainda o controle mais efetivo de armas e munições pelos órgãos de segurança pública e o fortalecimento das redes de proteção aos defensores de direitos humanos, vítimas e testemunhas ameaçadas, em especial no estado do Rio.

    Fonte: O Dia / G1 (11/12)

    Veículo blindado de fabricação italiana é novidade nas ações das forças de segurança

    A megaoperação realizada nesta terça-feira pelas forças de segurança em 13 comunidades do Rio contou com o apoio de um novo equipamento blindado. Apelidado de San Lince, o veículo foi utilizado pela primeira vez nesta terça-feira pelas tropas do Exército. Mais leve que as viaturas sobre rodas tradicionais, é considerado mais potente. A Viatura Blindada Multitarefa Leve Sobre Rodas (VBMT) é de fabricação italiana, acomoda cinco militares, sendo um atirador e dois fuzileiros. As metralhadoras MAG 7.62 e .50 são as utilizadas no veículo que pesa 7,1 toneladas, tem 2,12 metros de altura, 2,2 metros de largura e 5,36 metros de comprimento. O blindado possui motor de quatro cilindros e pode atingir uma velocidade máxima de 130km/h se isolada, e 85km/h em comboio.

    Fonte: O Globo (11/12)

    Faltando 20 dias para o término, intervenção empenhou apenas 39% dos recursos

    Faltando 20 dias para o fim oficial da intervenção federal na área da segurança pública do Rio de Janeiro, o general Braga Netto afirmou que o Gabinete de Intervenção Federal empenhou R$ 468,7 milhões, o equivalente a 39% do total de R$ 1,2 bilhão disponível pelo governo federal. O volume de recursos, no entanto, já equivale ao investimento estadual na área de Segurança de 2,4 anos.

    Fonte: O Globo / Extra (11/12)

    Após perseguição e confronto, polícia apreende quase meia tonelada de maconha na Baixada

    Uma carga de quase meia tonelada de maconha foi apreendida no interior de um veículo em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. A ação aconteceu na Rodovia Washington Luiz, no início da noite desta terça-feira. O material foi encontrado após uma perseguição e troca de tiros entre policiais e os bandidos, que tentavam escapar do cerco.

    Fonte: O Globo / Extra / O Dia / Agência Brasil (11/12)

    Empresário é baleado em arrastão na Tijuca e consegue dirigir ferido até a Cidade Nova

    Um empresário do ramo de tecnologia da informação, identificado como David Esteves, de 27 anos, foi baleado por criminosos que fizeram um arrastão na Rua Gonçalves Crespo, na Tijuca, na Zona Norte do Rio. O caso ocorreu na noite desta terça-feira. Além da vítima, um dos bandidos ficou ferido, após fugir do local e se deparar com uma viatura da PM. Os dois foram encaminhados para o Hospital Municipal Souza Aguiar, no Centro.

    Fonte: O Globo / Extra / O Dia / G1 (11/12)

    Militares gastaram R$ 362 mil em viagens para fora do país durante intervenção federal

    Do total de R$ 1,2 bilhão repassado pela União à intervenção federal na segurança pública do Rio, só R$ 468 milhões foram gastos até agora. Embora o detalhamento do uso da verba não tenha sido apresentado nesta terça-feira pelos generais Richard Nunes e Braga Netto, O Globo teve acesso à planilha de despesas. Entre elas, estão, por exemplo, R$ 362 mil destinados ao pagamento de diárias (hospedagem e alimentação) no exterior, além de R$ 85 mil consumidos com passagens aéreas para outros países. Também houve compra de softwares e veículos blindados.

    Fonte: O Globo (12/12)

    Witzel vai à Inglaterra em busca de melhorias na segurança pública

    Mal aterrissou no Rio, o governador eleito, Wilson Witzel (PSC), já tem data para voltar ao exterior. O ex-juiz chegou na noite desta terça de Israel, para onde viajou por conta própria no último dia 4, com o objetivo de pesquisar tecnologias que poderão auxiliar no combate à criminalidade. Nesta quinta-feira, fará nova viagem internacional. Dessa vez, com destino à Inglaterra. A nova viagem também tem como justificativa uma busca por melhorias na segurança pública. Witzel vai a Londres para, segundo sua assessoria de imprensa, ter encontros com criadores do sistema de reconhecimento facial adotado pela polícia da capital inglesa. Antes de ir à Europa, Witzel vai a Brasília. Ele participa, hoje de manhã, do 2º Fórum de Governadores, que tem como pauta principal a segurança pública.

    Fonte: O Globo (12/12)

    Moradores de Botafogo relatam disparos no Morro Dona Marta

    Moradores de Botafogo, na Zona Sul do Rio, relatam um tiroteio no Morro Dona Marta, na manhã desta quarta-feira. De acordo com eles, os disparos aconteceram por volta das 7h e foram ouvidos de vários pontos do bairro. Procurada, a Polícia Militar não se pronunciou, até o fechamento da matéria, sobre o que acontece na comunidade — se houve envolvimento de agentes da Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) no confronto ou não.

    Fonte: O Globo / Extra (12/12)

    Polícia Militar faz operação na comunidade do Guandu, em Japeri

    A Polícia Militar realiza, na manhã desta quarta-feira, uma operação na comunidade do Guandu, em Japeri, na Baixada Fluminense. Agentes do Batalhão de Polícia de Choque (BPChq) foram enviados à região. Também em Japeri, um confronto entre criminosos e policiais militares acabou com dois traficantes mortos, na tarde desta terça-feira, de acordo com a Polícia Militar. Segundo o 24º BPM (Queimados), o caso aconteceu por volta das 16h no entorno do Complexo Penitenciário de Japeri, na comunidade Beira Rio, dominada por traficantes da facção Comando Vermelho (CV).

    Fonte: O Dia (12/12)

    Tiroteio no Morro São João assusta moradores do Engenho Novo

    Um tiroteio no Morro São João, no início da madrugada desta quarta-feira, assustou moradores do Engenho Novo, na Zona Norte do Rio. Por volta da 1h30, disparos foram ouvidos na região da Rua Abatira com a Barão do Bom Retiro, um dos acessos à comunidade.

    Fonte: O Dia (12/12)


Mais diários

Notícias



Mais notícias

Agenda


  • DEZ

    11

    09:00

    Fórum de Debates Olhares sobre a Intervenção: Lições e Legado

    Local: ECEME, Rio de Janeiro, RJ

    Participantes: Palestrantes: General Braga Netto (Interventor), General Richards Nunes (Secretário de Segurança Pública do RJ), Joana Monteiro (Presidente do ISP), José Eduardo Gussem (Procurador-Geral de Justiça do RJ), Cel. Carlos Eduardo De Franciscis Ramos (Chefe do Instituto Meira Mattos - ECEME)e General Edson Diehl Ripoli (Comandante da ECEME). Convidados: Observatórios, inclusive o OLERJ, universidades e órgãos interessados no tema.


  • NOV

    21

    17:30

    Seminário Intervenção Federal: dilemas entre a legislação e o enfrentamento à criminalidade

    O evento é uma realização do Observatório Legislativo da Intervenção Federal (OLERJ), em articulação com o Gabinete da Intervenção Federal e o Observatório Militar da Praia Vermelha. A abertura ocorrerá no dia 21 às 17h, no Plenário 1 das Comissões, seguida de apresentação do Interventor Federal, Gen. Walter Souza Braga Netto. No dia 22, das 9h às 15h30, ocorrerão os painéis técnicos no Plenário 3 das Comissões, que tratarão de questões relativas à gestão na Intervenção Federal; ao esforço integrado em segurança pública; e à necessidade de uma legislação para a realização de intervenções.

    Local: Câmara dos Deputados, Brasília, DF


  • OUT

    05

    14:00

    Reunião de trabalho do OLERJ com o Comando da PM do Rio de Janeiro

    Local: Comando da PM, Rio de Janeiro, RJ

    Participantes: Consultor Legislativo Sérgio Senna (OLERJ) e Cel. PM Renan Gomes de Oliveira, Chefe do Gabinete do Comando-Geral



Mais eventos